Dar o pontapé inicial em um negócio é sempre uma tarefa cheia de medos, inseguranças e dificuldades. Ainda mais para que ainda não possui muita experiência e está atuando como empreendedor pela primeira vez.

Isso é absolutamente normal, afinal, para que sua empreitada dê certo, você irá precisar de clientes reais dispostos a investir em seus produtos e ainda replicar para um número cada vez maior de pessoas. E o começo nem sempre é fácil mesmo.

Ou seja, você precisa acertar em todas as formas de divulgação de seu negócio e finalmente, conseguir conquistar clientes qualificados de forma constante. Aqui neste artigo, eu vou explicar para você, como conseguir sucesso em cada um destes passos.

Por onde começar?

Antes de mais nada, indicarei como escolher os canais mais eficazes para conseguir leads, irei ajudar em como configurar suas campanhas de anúncios online e darei dicas até de como acertar suas páginas de destino para que o resultado seja ainda melhor. Assim, você poderá ter em um só lugar, o guia completo para alavancar seu empreendimento logo de cara.

É importante salientar que este material foi desenvolvido principalmente para quem já tem seu próprio negócio, uma página estruturada na internet e possui certa quantia de dinheiro separada para investir em divulgação. Ele é o passo a passo para você não perder mais tempo e colocar a mão na massa o mais breve possível para conquistar a lucratividade.

Mas se você ainda está somente planejando um novo negócio, estudando quais são as melhores formas de dar início ao seu sonho e ainda não tem nada pronto, não se preocupe. Este artigo também pode muito útil, já que pode funcionar como um excelente guia para seguir na hora que já estiver com tudo em ordem.

Então agora preste bem atenção nos passos a seguir e comece a colocar em prática o mais breve possível. Seu sucesso pode estar mais perto do que você imagina. Vamos lá!

1. Otimize sua landing page e as descrições dos produtos

A landing page, nada mais é do que a página de destino, aquela que é desenvolvida para levar seu cliente à compra do produto, depois de clicar em um anúncio, banner ou link divulgado em outra página. É o endereço que você divulga em toda a publicidade a respeito de um produto ou serviço.

Ela é de extrema importância para o bom resultado de seu investimento em publicidade, porque é a verdadeira responsável por cativar e converter um simples usuário em um cliente.

Por isso, a landing page precisa ser totalmente focada para a venda, com um conteúdo que tenha as respostas que seu cliente precisa. Aí entra o cuidado também com as descrições dos produtos, que precisam ser claras, objetivas e focando sempre os atributos que os diferenciam. Não se esqueça de colocar boas imagens e botões que facilitam a ação da compra.

De forma geral, funciona mais ou menos assim: Se você publicou um anúncio sobre uma determinada solução ou produto, contendo algum desconto ou qualquer alguma informação que chame a atenção, ela precisa ser replicada na landing page. Isto é, ela precisa ter sempre o conteúdo que o cliente deseja encontrar nela, ok?

Jamais coloque sua home ou outra página qualquer que não tem nada a ver com o anúncio, banner ou link. Você não quer que o usuário fique perdido no seu site, procurando por aquilo que ele veio buscar. Você quer que ele compre na hora e invista em sua empresa.

2. Meça todos os resultados e acompanhe periodicamente

Uma das principais vantagens em apostar na mídia digital é a mensuração dos dados. Na internet é possível saber quantas pessoas visitaram seu site, onde elas moram e o principal, qual foi a fonte que as trouxe até aqui. Mas todos estes dados precisam ser utilizados de forma inteligente para trazer benefícios para seu negócio.

Portanto, mensure cada uma de suas frentes de divulgação, sejam eles banners, páginas, anúncios patrocinados, parceiros, links em outros blogs e afins. E não deixe de acompanhar tudo bem de perto.

Assim, você será capaz de verificar quais são as frentes de divulgação que estão trazendo os melhores resultados e, obviamente, vai ser capaz de garantir quais das conversões são mais vantajosas, levando em consideração o quanto que você investe e o quanto que recebe.

Aí basta ir acertando a sua verba para garantir que os melhores meios estão recebendo os maiores investimentos, e que aqueles que não estão trazendo resultados importantes sejam alterados ou até removidos de sua estratégia de marketing digital.

3. Teste canais diferentes

Mesmo que um meio escolhido esteja trazendo grandes resultados, evite cair na tentação de manter todo o investimento em um local só. Teste todas as formas possíveis de conseguir leads, sempre medindo e consultando os resultados de forma periódica. Ou seja, é um trabalho constante e que nunca tem fim.

Em algum determinado momento, pode ser que um dos meios escolhidos traga bons resultados, em outros não. Por outro lado, aquelas estratégias que apresentavam resultados péssimos, podem mudar e resultar em excelentes investimentos.

Por isso, avalie tudo todos os dias e esteja por dentro das novidades e tendências. Assim, você poderá diversificar os canais e garantir um volume muito maior de novos clientes para seu negócio, tudo de forma segura e garantida.

Uma boa dica é começar pelo Google Adwords, depois passar para as redes sociais como, por exemplo, Facebook ou Instagram, que são atualmente as mais utilizadas e mais vantajosas para praticamente qualquer tipo de negócio. Afinal, lá estão a grande maioria dos públicos e podem ser filtrados de acordo com suas características essenciais.

Além disso, tudo que você aprender com estas ferramentas, como por exemplo, quais são palavras-chave mais eficientes, quais são as soluções que seu público mais precisa e outras informações relevantes, podem ser repassadas para outros canais. Desta maneira, as chances de sucesso aumentam significativamente.

4. Utilize o máximo do Google Adwords

A ferramenta do Google Adwords é sem dúvidas, a mais conhecida entre profissionais e empresas que utilizam estratégias digitais. A boa notícia é que ela é bastante intuitiva, o que faz com que até pessoas muito inexperientes sejam capazes de criar boas campanhas e anúncios altamente eficientes.

O Google ainda oferece ajuda e algumas vezes, os representantes do Google também entram em contato com novos anunciantes e costumam ajudar bastante, com dicas e opiniões. Mas o problema é que na verdade não há como prever quando, ou se entrarão realmente em contato, então o melhor é não esperar totalmente por eles.

Para criar sua campanha, comece pelo planejador de palavras-chave. Lá você poderá pesquisar quais são as palavras mais associadas ao seu negócio ou produto. Leve em consideração também, o problema que seu cliente tem para resolver, e utilize estes termos em suas campanhas.

Se você ainda não tem experiência com a ferramenta, é bom seguir algumas dicas, como por exemplo, optar somente por anúncios na rede de pesquisa e evitar as palavras-chave que possuem grande competição.

Crie diferentes versões dos anúncios e vá além dos grupos de palavras-chave indicados pela ferramenta, colocando a maior quantidade possível, sempre com cuidado com a relevância, é claro.

5. Aposte no Facebook

O Facebook Ads tem se mostrado uma excelente ferramenta para qualquer tipo de anunciante. Aqueles que possuem páginas na rede social, e um bom engajamento, costumam apresentar resultados ainda melhores, principalmente no remarketing.

Mas até quem ainda não tem uma presença no Facebook pode conseguir benefícios, já que a ferramenta oferece excelentes opções de segmentação de público. Mas é preciso ter paciência e ir investigando tudo com calma, já que as opções são muitas.

Assim que você começar a criar sua campanha, vai perceber a infinidade de possibilidades. O ideal é ir combinando aquilo que a própria ferramenta do Facebook vai indicar para você com aquilo que já aprendeu com sua experiência no Google Adwords. Combine todas as segmentações de audiência e assim irá se aproximar cada vez mais de seu público-alvo.

E atenção! Fique muito atento às estimativas de alcance que o Facebook vai apresentando para você, assim como as especificações. Afinal, você não quer ficar restrito a um público muito pequeno neste momento e nem tão pouco um muito vasto que trará pouco resultado.

Para conseguir melhores resultados, crie uma campanha separada para cada tipo de público que você tenha, utilizando ao máximo as possibilidades de pesquisa e qual o valor projetado para cada um de seus anúncios.

Não esqueça de utilizar as opções avançadas, para, além de inserir a descrição do link no feed de notícias, já que são excelentes formas de adicionar mais informações a respeito dos benefícios que pode proporcionar para seus clientes.

Optar por “retargeting“ e “look a like” que é por semelhança, também é válido, mas somente se todos os demais canais escolhidos por você para divulgação, estiverem funcionando a todo vapor.

Para fechar, prefira sempre deixar o CTR em torno de 0.6%, mas com o tempo e conhecimento suficiente, poderá ir aumentando de acordo com o tamanho do seu público-alvo.

6. Saiba se o Twitter é ideal para seu negócio

O Twitter pode trazer resultados impressionantes para uma empresa. Tudo vai depender do tipo de público que deseja conquistar. Negócios de nicho costumam ser mais beneficiados pelos anúncios nesta rede social.

O grande segredo é ser o mais direto possível, tentando se destacar da quantidade de informações que são divulgadas no Twitter. Comece, como sempre, pela escolha detalhada das palavras-chave.

Aqui é preciso um cuidado redobrado, já que a grande maioria das palavras sugeridas pelo próprio Twitter não costumam ser muito boas. Então avalie cada uma com o máximo de cuidado possível, aprimorando cada uma delas e afinando para que cheguem aos seus produtos e não de marcas concorrentes.

Prefira apostar em duas campanhas, sendo que uma pode ser baseada principalmente em palavras-chave e outra em interesses e seguidores. Além disso, abuse de anúncios altamente criativos, capazes de atrair os olhares e interesses dos usuários. O CTR ideal fica em torno de 1 a 3%, e geralmente eles começam com 2%.

Outras dicas para escolher diferentes canais

Além destes canais que mostrei aqui, existem uma infinidade de possibilidades, que mudam de acordo com seu público-alvo e tipo de produto ou serviço que vai divulgar. É preciso ficar sempre atento às tendências e não deixar de aproveitar as oportunidades quando elas aparecem.

Mas como escolher e determinar quais são os melhores?

1. Onde seu público-alvo está? Algumas vezes, apostar em mídias para celular, por exemplo, pode ser uma boa pedida, mas dependendo do seu tipo de público, o desktop é mais eficiente.

2. Comece por uma ampla rede e somente depois de conhecer a fundo os seus clientes, vá segmentando para garantir mais assertividade.

3. Crie mais de um anúncio. Nem sempre o meio é ruim, o problema pode estar na forma como construiu seus anúncios.

4. Fique de olho nos dados. Crie formas de comparar as performances dos diferentes meios e mantenha um olhar atento a todas as métricas disponíveis.

5. Varie os canais. Comece pelos mais conhecidos como o Google Adwords, Facebook e Twitter, mas se arrisque em outras plataformas, como LinkedIn, Blogs e diversas outras de acordo com o seu público – alvo.

6. E por último, esteja sempre atento para otimizar suas campanhas, mas sempre com bom senso. Por exemplo, em um só dia, ou investindo poucos reais, não tem como saber se um meio escolhido é bom ou ruim.

Uma dica importante é esperar pelo menos 10 mil impressões e aí sim fazer o cálculo de Custo por Clique (CPC). Depois disso, é só comparar os resultados, começando por uma alteração de anúncios. Se mesmo assim, o resultado ainda não for como de outros meios, corte a verba deste canal e aí sim, invista em outras que trazem resultados melhores.

Ou seja, a chave para o sucesso é você mesmo que vai encontrar, através da comparação e de sua experiência com cada uma das ferramentas.

Eu vou continuar estudando o assunto e trazendo novidades sempre que puder. Se quiser acompanhar mais de perto e receber mais informações, assine o conteúdo VIP do meu canal e receba dicas atualizadas diretamente no seu e-mail.

  • Iracelmo

    Eu adoro as dicas do filipe cortes. grande homen neste mundo.
    ele atingiu 40% da sua capacidade cerebral. com forme a lucy atingiu.