Prever os mercados que vão estar aquecidos nos próximos anos pode ser a chave para uma pequena empresa de sucesso. Além da pesquisa, o empreendedor precisa fazer um planejamento e pensar bem nas metas de longo prazo do negócio.

Focada no mercado americano, uma pesquisa realizada pelo instituto IBISWorld indica quais são os setores mais promissores para quem vai começar a empreender. Apesar de algumas particularidades dos negócios norte-americanos, o levantamento traz inspirações aos empreendedores brasileiros.

A lista leva em conta a contribuição de cada área para a economia, as barreiras de entrada, o avanço tecnológico e o crescimento projetado para os próximos anos. Negócios de varejo, serviços e internet aparecem com destaque.

Games para rede social

Hoje em dia, quase todo mundo recebe notificações de games em redes sociais. O crescimento desse mercado, segundo os pesquisadores, deve ser de 31,9%, alcançando 6 bilhões de receita em 2013. O desenvolvimento de jogos para redes sociais aparece como promissor já que o aumento da demanda deve abrir novas oportunidades.

Venda de sapatos online

Com mais confiança nas compras online, os consumidores passaram a comprar mais itens como roupas e sapatos pela internet. Esse avanço, segundo a pesquisa, favorece a área de sapatos online, que deve ter um crescimento de 16,2%. Apesar da concorrência com grandes marcas já estabelecidas, as startups podem aproveitar a fragmentação do mercado para crescer. A chave é se diferenciar para chamar a atenção dos consumidores.

Serviço de instalação para TVs

Com exigência de pouco capital inicial e um mercado altamente fragmentado entre várias empresas, este serviço se apresenta como um negócio promissor, segundo a pesquisa. As empresas precisam de uma boa logística, ferramentas adequadas e atualização constante de novas tecnologias para desenvolver o negócio. Deve crescer 4,2% ao ano.

Data room virtual

Usado geralmente no mercado de fusões e aquisições, o data room virtual é uma espécie de arquivo de informações que permite armazenar e distribuir documentos. Segundo a pesquisa, esse negócio deve crescer 16% neste ano. A proliferação do compartilhamento de documentos aumenta o mercado, dizem os pesquisadores. Com baixas barreiras de entrada, o faturamento do setor avançou 16,5% nos últimos cinco anos.

Agências de viagem

O mercado de turismo, em especial no Brasil, está superaquecido. Para a pesquisa, o setor deve apresentar avanço de 6,1% em 2013, nos Estados Unidos. A tendência é que as agências de viagem online ganhem cada vez mais espaço, garantindo o crescimento nos próximos cinco anos. Grandes players devem manter a estratégia de comprar empresas locais menores para expandir.

Serviços de tradução

Outra área que deve se beneficiar da Copa do Mundo e das Olímpiadas no Brasil, o negócio de tradução se destaca com o avanço de empresas internacionais no país. Com crescimento anual de 2,4% nos Estados Unidos, os pesquisadores acreditam que a adaptação de sites em várias línguas deve aquecer o mercado

Consultoria em Segurança da TI

O desenvolvimento do comércio eletrônico impulsiona também as empresas que cuidam de segurança de tecnologia de informação. Com aumento de 9,8% ao ano, o setor deve faturar 5,3 bilhões de dólares em 2013. Com mais e mais empresas vítimas de cyberataques, proteger websites passa a ser essencial. É importante se manter atualizado com novas tecnologias para permanecer no mercado.

Computação forense

Também na linha de segurança online, os serviços de investigação de crimes digitais e computação forense aparecem como destaque na lista. O crescimento anual deve ser de 11,9%, segundo a pesquisa. O aumento no acesso a internet através de dispositivos móveis deve alavancar este setor. Investimento inicial e barreiras de entrada costumam ser baixos.